Vanderlei Luxemburgo afirma que vitória foi justa

A vitória do Vasco sobre o Fluminense no clássico disputado neste sábado, em São Januário, deixou o técnico Vanderlei Luxemburgo muito satisfeito.  Na entrevista coletiva, o treinador cruz-maltino disse que o resultado foi justo que os jogadores merecem parabéns pelo resultado. E ainda fez questão de lembrar a arbitragem, que tanta polêmica causou na partida diante do Grêmio.

“Foi uma vitória merecida, e os jogadores estão de parabéns. E outra coisa legal: não tivemos VAR”, destacou.

Para Vanderlei, o Vasco era superior ao Fluminense no primeiro tempo quando sofreu o gol numa saída de bola errada da defesa. O treinador disse que corrigiu algumas coisas na equipe para o segundo tempo e foi fazendo as mudanças que tinham sido treinadas durante a semana.

Ele se referiu a atuação de Bruno César que, segundo o técnico, atuou com qualidade e intensidade. E disse que até brincou com o jogador, perguntando se era a estreia dele no Vasco.

O treinador elogiou o comportamento da torcida que incentivou a equipe, mesmo quando estava em desvantagem no placar, porque sentiu a disposição da equipe.

“Esse ambiente que tivemos hoje é o do Vasco. A torcida apoiando a equipe mesmo no resultado adverso. Esse é o Vasco que todo mundo quer ver”, afirmou.

Luxemburgo comentou sobre a crise financeira vivida pelo Vasco (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

Luxemburgo também analisou a crise financeira do clube e disse que pretende entrar no mesmo esquema dos jogadores na questão salarial. Ele reconhece que a situação da diretoria é difícil, mas ressaltou que a obrigação do Vasco é pagar os salários em dia.

“Eu quero entrar no mesmo esquema dos jogadores. Não vamos brigar. Obrigação do Vasco é pagar o salário. O presidente reconhece. Mas está difícil porque tem penhora. Nós conversamos com o presidente, ele pagou uma parte, e eu não entrei. Não é uma reclamação”, disse.

O post Vanderlei Luxemburgo afirma que vitória foi justa apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.


Source: Vasco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *