Vôlei de praia: duplas brasileiras avançam às oitavas no Catar

0
59

As duplas brasileiras Bárbara Seixas e Carol Solberg, e Evandro e Guto estrearam hoje (9) no primeiro dia de disputas da etapa de Doha (Catar), etapa quatro estrelas – segunda mais importante – do Circuito Mundial de Vôlei de Praia. O triunfo em dois jogos seguidos de ambas as parcerias nesta terça (9) assegurou o Brasil na liderança de seus grupos e, por consequência, a classificação para as oitavas de final. As duplas voltam à quadra na próxima quinta-feira (11), em horário ainda a ser definido. A competição está sendo transmitida ao vivo na conta oficial da Federação Internacional de Voleibol (Fiba, na sigla em inglês) no Youtube.

Evandro e Guto foram os primeiros a garantir a classificação em primeiro lugar no Grupo H ao derrotarem, de virada, os poloneses Losiak e Kantor, por 2 sets a 1, com parciais de 19/21, 21/18 e 16/14. Na sequência,a dupla brasileira superou os russos Stoyanovskiy e Krasilnikov, em sets diretos, por 21/13 e 22/20. 

 “Estamos felizes em voltar ao Circuito Mundial. A última vez que participei foi aqui mesmo. Conseguimos dois resultados positivos neste primeiro dia. No primeiro jogo a gente precisou virar o placar. No segundo pegamos uma pedreira, e foi na base da superação. Consegui encaixar uns bons saques, algo que estou treinando bastante, e o Guto defendeu muito, é um dos melhores do mundo nisso”, disse Evandro ao final do jogo, em depoimento ao site da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV).

No Grupo H, as parceiras Bárbara Seixas e Carol Solberg começaram batendo as russas Dabizha e Rudykh por 2 sets a 0, com parciais de 1/14 e 21/14). Na decisão pela liderança da chave, venceram outra dupla russa – Makroduzova e Kholomina – desta vez por 2 a 1, com parciais de 21/18, 18/21 e 15/8.

“Nosso dia hoje foi muito bom. Eu e a Carol tentamos colocar muita energia nesses dois jogos, especialmente por termos essa falta de ritmo em relação ao Circuito Mundial, aos times estrangeiros, então foi importante jogar com agressividade”, comentou Bárbara ao fim do jogo, em entrevista ao site da CBV.

Repescagem

Também nesta terça-feira (9), a dupla Alison e Álvaro Filho venceu um jogo e perdeu outro no Grupo C, e terá de passar amanhã (10) por repescagem em busca de uma vaga nas oitavas de final.  Os brasileiros – já classificados para a Olimpíada de Tóquio (Japão) Olímpicos de Tóquio  -superaram os suecos Ahman e Hellvig, em sets diretos, por 21/19 e 21/16. Na partida seguinte, foram derrotados pelos tchecos Perusic e Schweiner por 2 sets a 0, com parciais de 23/21 e 21/15. 

Outra dupla olímpica, Ana Patrícia e Rebecca, também estarão na repescagem amanhã (10). Elas ficaram em segundo lugar no Grupo E, após estrearem hoje (9) com uma vitória e uma derrota. Ganharam a primeira partida em sets diretos contra as francesas Placette e Richard, por 21/18 e 21/9, mas foram derrotas na sequência, de virada, pelas alemãs Bieneck e Schneider por 2 sets a 1, com parciais de 17/21, 21/17 e 15/11. O resultado colocou as brasileiras na repescagem desta quarta (10).

No Grupo C, o outro time brasileiro classificado para os Jogos de Tóquio, Ágatha e Duda, caiu logo no primeiro jogo. As russas Bocharova e Ganenko passaram pelas brasileiras por 2 sets a 1, com parciais de 21/19, 13/21 e 15/10). Agora, para seguirem com chances, Ágatha e Duda terão que vencer a disputa de terceiro lugar da chave nesta quarta-feira (10) contra as italianas Menegatti e Orsi.

As parceiras Tainá e Victória vivem uma situação parecida. No Grupo B, as brasileiras caíram para as americanas Alix e April por 2 sets a 0, parciais de 21/14 e 22/20. Nesta quarta (10), elas disputam o terceiro lugar contra as alemãs Behrens e Ittlinger.



Fonte: Agência Brasil