Cruzeiro bate Vitória na estreia de Ney Franco

0
85

Ney Franco estreou bem no comando do Cruzeiro nesta sexta-feira (11). A Raposa dominou praticamente toda a partida, e interrompeu uma série de seis jogos sem vencer e derrotou o Vitória por 1 a 0, no Mineirão. Com o resultado, a equipe celeste chegou a 8 pontos e pulou para a 13ª posição da Série B do Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro permanece com 13 pontos, na 8ª colocação.

Gol de Régis

O Cruzeiro começou melhor a partida e criou chances em chutes de média distância. Logo no primeiro minuto, Marcelo Moreno recebeu de Maurício e finalizou na entrada da grande área. A bola foi pela linha de fundo. Aos 15 minutos, foi a vez de Maurício desperdiçar a oportunidade. O meio-campista chutou de primeira após toque de Matheus Pereira. O zagueiro João Victor desviou levemente para escanteio.

O Vitória respondeu em cobrança de escanteio. Thiago Carleto lançou na área e Wallace subiu sozinho para cabecear, mas acabou finalizando mal. Aos 35 minutos, a melhor chance da Raposa. Jadsom tocou para Airton, que entrou na área e chutou no canto esquerdo de Ronaldo, que espalmou e evitou o gol.

Nos acréscimos, o Rubro-Negro quase abriu o placar. Carleto cruzou na área e a bola sobrou para Vico, que teve tempo de dominar, escolher o canto e chutar. A bola tocou na zaga e foi pela linha de fundo. Na cobrança de escanteio, Leandro Silva arriscou um calcanhar, mas Fábio salvou.

O Cruzeiro voltou melhor no segundo tempo e encurralou o Vitória no campo de defesa. Aos 9 minutos, Marcelo Moreno escorou cruzamento e deixou Maurício livre para marcar. O meio-campista acabou chutando em cima de Arthur Caíke. Aos 20 minutos, Airton fez grande jogada pela direita e chutou cruzado, a bola bateu na zaga e sobrou para Thiago, que também carimba a defesa rubro-negra.

De tanto insistir, o Cruzeiro abriu o placar aos 30 minutos. Lançamento de Filipe Machado para Arthur Caíke, que avançou pela esquerda e cruzou na cabeça de Régis, que não perdoou. Sete minutos depois, a Raposa quase ampliou. Régis subiu pelo meio e chutou colocado acertando o pé da trave direita de Ronaldo. O Vitória ainda tentou o empate no fim, mas não teve forças para passar pela defesa cruzeirense.

Na próxima rodada, o Vitória enfrenta o Juventude, segunda-feira (14) às 20h no Alfredo Jaconi. O Cruzeiro enfrenta o CSA, sábado (19) às 21h no Rei Pelé.

Veja a classificação atualizada da Série B do Brasileiro.

Ney Franco estreou bem no comando do Cruzeiro nesta sexta-feira (11). A Raposa dominou praticamente toda a partida, e interrompeu uma série de seis jogos sem vencer e derrotou o Vitória por 1 a 0, no Mineirão. Com o resultado, a equipe celeste chegou a 8 pontos e pulou para a 13ª posição da Série B do Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro permanece com 13 pontos, na 8ª colocação.

Gol de Régis

O Cruzeiro começou melhor a partida e criou chances em chutes de média distância. Logo no primeiro minuto, Marcelo Moreno recebeu de Maurício e finalizou na entrada da grande área. A bola foi pela linha de fundo. Aos 15 minutos, foi a vez de Maurício desperdiçar a oportunidade. O meio-campista chutou de primeira após toque de Matheus Pereira. O zagueiro João Victor desviou levemente para escanteio.

O Vitória respondeu em cobrança de escanteio. Thiago Carleto lançou na área e Wallace subiu sozinho para cabecear, mas acabou finalizando mal. Aos 35 minutos, a melhor chance da Raposa. Jadsom tocou para Airton, que entrou na área e chutou no canto esquerdo de Ronaldo, que espalmou e evitou o gol.

Nos acréscimos, o Rubro-Negro quase abriu o placar. Carleto cruzou na área e a bola sobrou para Vico, que teve tempo de dominar, escolher o canto e chutar. A bola tocou na zaga e foi pela linha de fundo. Na cobrança de escanteio, Leandro Silva arriscou um calcanhar, mas Fábio salvou.

O Cruzeiro voltou melhor no segundo tempo e encurralou o Vitória no campo de defesa. Aos 9 minutos, Marcelo Moreno escorou cruzamento e deixou Maurício livre para marcar. O meio-campista acabou chutando em cima de Arthur Caíke. Aos 20 minutos, Airton fez grande jogada pela direita e chutou cruzado, a bola bateu na zaga e sobrou para Thiago, que também carimba a defesa rubro-negra.

De tanto insistir, o Cruzeiro abriu o placar aos 30 minutos. Lançamento de Filipe Machado para Arthur Caíke, que avançou pela esquerda e cruzou na cabeça de Régis, que não perdoou. Sete minutos depois, a Raposa quase ampliou. Régis subiu pelo meio e chutou colocado acertando o pé da trave direita de Ronaldo. O Vitória ainda tentou o empate no fim, mas não teve forças para passar pela defesa cruzeirense.

Na próxima rodada, o Vitória enfrenta o Juventude, segunda-feira (14) às 20h no Alfredo Jaconi. O Cruzeiro enfrenta o CSA, sábado (19) às 21h no Rei Pelé.

Veja a classificação atualizada da Série B do Brasileiro.

Fonte: Agência Brasil

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here